SEO 2019: a era da Pesquisa por Voz
4 evidências de como as buscas por voz já estão mudando o SEO
Por Eder Queiroz

Analista de ROI
Compartilhe:

Estamos vivendo mais um momento de ruptura, onde as buscas por voz crescem numa velocidade incrível e segundo pesquisa recente da Gartner, até 2020, aproximadamente 30% das buscas serão feitas sem precisar de uma tela.

Em janeiro de 2018, foram feitas mais de 1 bilhão de consultas por voz. Pense nisso, é muita coisa, e tem muito mais por vir. Essa mudança comportamental muda muito a forma como fazemos SEO.

Listei 4 mudanças pra você ficar de olho ao longo de 2019:

1) Keywords long tail

Quando as pessoas fazem uma busca por voz elas costumam usar keywords mais longas. E como elas estão falando, serão mais coloquiais. Isso significa que para otimizar sua estratégia de SEO para busca por voz, você precisa prestar atenção nas keywords long tail. Uma vez que a busca é mais específica, há menos concorrência.

Lembre-se: pesquisas por voz são mais conversacionais do que as consultas por escrito. Certifique-se de que você está utilizando o tom de voz adequado.

2) Posição zero

A posição zero será fundamental. As consultas por voz retornam os resultados das primeiras posições. O Google Home, por exemplo, lê o Snippet em Destaque quando responde uma consulta por voz.  

3) Tempo de carregamento

Não é novidade que o tempo de carregamento do seu site afeta diretamente muitos indicadores de desempenho, como taxa de rejeição e taxa de conversão. Quanto mais ele demorar para carregar, mais pessoas abandonarão a navegação.

Normalmente as pessoas que fazem uma busca por voz estão com pressa, isso torna ainda mais importante ter um site que carregue rapidamente. Nesse cenário, páginas AMP são uma ótima alternativa.  Se o tempo de carregamento do seu site for um fracasso, sua estratégia de SEO também será.

4) Dados Estruturados

Com a ascensão dos assistentes pessoais, os usuários fazem perguntas sobre muitas coisas. O Google não quer somente retornar um resultado de busca, ele quer responder a pergunta dos usuários. Por isso, o Google lançou recentemente a  marcação Speakable, para que os editores qualificados possam marcar as seções de um artigo mais relevante para serem lidos em voz alta pelos assistentes pessoais.

Embora seja um fenômeno recente, a pesquisa por voz já está mudando a forma como pensamos e fazemos SEO. Lembre-se que conquistar resultados com SEO leva tempo, então adapte-se o quanto antes pois a briga pelas primeiras posições ficará cada vez mais acirrada.

Compartilhe:

RECEBA
NOVIDADES
DA A2C

E-mail cadastrado! Aguarde nossas novidades.