Links patrocinados: o que são e por que usá-los?
Entenda como funcionam os links patrocinados e conheça as vantagens de usá-los em sua estratégia.
Por Pedro Santana

Líder de ROI
Compartilhe:

Alcançar o público certo e conquistar novos clientes é fundamental para o sucesso de qualquer negócio. No ambiente digital, o primeiro passo para isso é gerar tráfego — ou seja, aumentar o número de visitantes do seu site. Embora existam estratégias orgânicas muito eficazes para isso, como o marketing de conteúdo, investir em publicidade online pode trazer resultados ainda mais rápidos.

Uma das principais formas de anunciar na internet é usar links patrocinados. Eles são campanhas em forma de texto que aparecem no topo dos resultados dos sites de busca, ajudando a aumentar a visibilidade de uma empresa.

Se você quer potencializar a sua estratégia de marketing e atrair mais pessoas com mais rapidez, essa pode ser uma excelente opção. Neste artigo, entenda como funcionam os links patrocinados e veja como eles podem beneficiar a sua empresa.

O que são os links patrocinados?

Chegar ao topo das páginas de busca, como Google e Yahoo, é o objetivo de quase todas as empresas que investem em marketing digital. Afinal, esses sites são um dos melhores meios para atrair clientes na rede. Por isso é que muitas organizações fazem um trabalho de otimização para mecanismos de busca, adotando as regras de SEO em suas páginas.

No entanto, mesmo conteúdos bem trabalhados podem demorar meses para apresentar os resultados esperados, e é aí que entram os links patrocinados. Eles são um formato de anúncio em textos, relativamente pequenos, mas em destaque, que aparecem para o público no topo dos resultados de uma busca.

Você já fez uma pesquisa no Google e notou que em alguns dos primeiros resultados havia a palavra “anúncio” logo abaixo do nome da página? Esses são os links patrocinados.

 

Print da busca por "Havaianas" onde mostra os resultados de links patrocinados

 

Como os links pagos funcionam?

Como você já percebeu, o uso correto de links pagos é muito eficaz para alcançar o público-alvo de uma empresa no ambiente digital. Há algumas plataformas de anúncios, mas a mais popular delas é o Google AdWords, que recentemente passou a ser chamado de Google Ads.

Para montar uma campanha, o primeiro passo é criar uma conta em alguma dessas plataformas. Em seguida, é preciso cadastrar as palavras-chave escolhidas, lembre-se que ela deve falar sobre o seu negócio, produto ou serviço, e definir as características dos usuários que devem receber o anúncio.

Para uma empresa localizada em Curitiba, por exemplo, pode não ser muito interessante direcionar os anúncios para pessoas que moram no Rio de Janeiro. Com o auxílio das ferramentas é possível fazer determinações como essa e aproximar a empresa de pessoas realmente interessadas e com mais chances de fechar negócio.

Vantagens de uma campanha de link patrocinado

Essa ferramenta oferece diversos benefícios aos usuários, como baixo investimento inicial, definição de orçamento, público-alvo estabelecido, tráfego instantâneo e, é claro, o fato de ser conectada ao Google, o maior buscador do mundo.

Para começar a investir em links patrocinados não é preciso dispor de um orçamento muito grande. Isso porque é possível gastar de acordo com os objetivos e o caixa da empresa, mas precisamos levar em consideração que valores maiores trazem resultados em menos tempo.

Os links patrocinados ainda são anúncios que podem ser otimizados com facilidade. Caso as análises das campanhas indiquem algum problema ou haja alguma mudança de planos, é possível fazer ajustes com rapidez e readequar os links à estratégia.

Como avaliar o sucesso da sua campanha?

Qualquer pessoa pode criar uma conta no Google e começar a elaborar suas próprias campanhas de links patrocinados. É importante, porém, ter alguma familiaridade com os termos do serviço, como indicadores e métricas, para patrocinar os links da forma correta. A seguir, conheça os principais deles.

Palavra-chave (keyword)
As palavras-chave são termos com uma palavra ou uma combinação de palavras que são usadas pelos usuários para fazer uma busca na internet. É a partir desses termos que os buscadores entregam os resultados.

Impressões
As impressões se referem ao número de vezes que o anúncio é exibido em um resultado de pesquisa.

Cliques
Os cliques são contabilizados quando os usuários clicam no anúncio, mesmo que eles não cheguem a visitar o site de fato. Isso pode acontecer se a pessoa desistir de visitar a página no meio do caminho ou se o site estiver fora do ar, por exemplo. Por isso o número de visitas e o número de cliques podem apresentar números distintos.

Custo por clique (CPC)
O custo por clique é o valor que o anunciante paga para cada clique recebido no anúncio. Ele é uma das métricas mais importantes do marketing digital.

Taxa de clique (CTR)
É número de cliques que o anúncio recebe dividido pelo número de impressões. Ou seja, é uma forma de medir a frequência com a qual as pessoas que veem o anúncio clicam nele. A sigla vem do inglês Click through Rate.

Página de destino
É a página para a qual o usuário é direcionado após clicar no anúncio.

Índice de qualidade
O índice de qualidade é uma métrica baseada em uma avaliação do Google. O site observa elementos como palavra-chave e página de destino e gera uma nota de 1 a 10, que mede a relevância do anúncio.

Outro medidor importante e que pode aparecer em uma análise de campanhas de Google Ads é a Taxa de Rejeição. Ela representa a porcentagem de visitantes que acessam uma página de um site e saem por ela, sem realizar nenhuma ação. Esse indicador não está diretamente ligado aos links patrocinados, mas compreendê-lo é muito importante para quem tem um site.

Entender e utilizar esses conceitos nas suas campanhas do Google Ads é uma forma de compreender melhor o comportamento do seu público-alvo, descobrir as melhores palavras-chave para descrever o seu negócio e apresentar resultados em um prazo mais curto.

Como você viu, é importante ter experiência e conhecimento das ferramentas oferecidas para uma elaboração eficiente de anúncios. Ou seja, é fundamental entender o serviço Google Ads, seu funcionamento e suas vantagens. Além disso, compreender e acompanhar métricas, como o índice de qualidade e o custo por clique, é uma boa forma de garantir que os links patrocinados sejam realmente relevantes, entregando ao usuário o que ele procura.

Na A2C, estratégias de mídia e SEO são gerenciadas e planejadas pelo time de ROI (Ação para Resultado). As campanhas e ações são monitoradas a partir do monitoramento de dados, o que garante decisões mais rápidas e precisas e resultados mais alinhados aos objetivos do cliente.

Saiba mais sobre a área de ROI e entenda como planejamos ações para resultados!

Compartilhe:

RECEBA
NOVIDADES
DA A2C

E-mail cadastrado! Aguarde nossas novidades.